Dicas e truques com imãs
Truques usando ímãs trazem muita praticidade ao dia a dia
16 de novembro de 2021
Cuidados na manipulação de ímãs de neodímio
ATENÇÃO: cuidados na manipulação de ímãs de neodímio
17 de janeiro de 2022
Mostrar todos

Você sabe como desmagnetizar um imã?

como desmagnetizar um imã?

Será que é possível desmagnetizar um ímã? Você já sabe que todo material magnético possui um campo magnético ao seu redor, exercendo influência naqueles suscetíveis ao seu efeito, como os:

  • materiais ferromagnéticos, que são aqueles que possuem uma memória magnética, ou seja, quando submetidos a esse campo externo, eles têm seus momentos angulares alinhados e passam a se comportar como um ímã, mantendo esse comportamento mesmo após a retirada do ímã, como o ferro, níquel, cobalto e algumas ligas;
  • materiais paramagnéticos, que têm seus momentos angulares alinhados paralelamente ao serem colocados próximos ao campo magnético, porém, diferentemente dos ferromagnéticos, esses materiais perdem suas propriedades magnéticas depois que o campo externo é retirado, deixando de se comportar como ímãs. É o caso do alumínio, sódio, magnésio e cálcio.

A propriedades magnéticas de um material são determinadas por fatores como sua composição química ou como os átomos são organizados, por exemplo. Essas propriedades definem como ele se comporta na presença de um campo magnético externo: o ferro se magnetiza, o vidro quase não é afetado, por exemplo.

Dito isso, os materiais paramagnéticos são desmagnetizados tão logo sejam afastados de um campo magnético externo, enquanto os ferromagnéticos, que podem ser magnetizados permanentemente, não perdem essa propriedade facilmente, mas sim, também podem ser desmagnetizados.

E como desmagnetizar um ímã?

O magnetismo ocorre quando os polos magnéticos estão alinhados na mesma direção. Sendo assim, a desmagnetização ocorre quando há uma desordem nesses polos. E quais as razões para que esse desalinho aconteça?

Uma forma comum e provavelmente mais eficiente de desmagnetizar um ímã é o aquecendo. Cada material tem uma temperatura ou ponto Curie, que é o valor de temperatura que faz com que as propriedades ferromagnéticas se percam. Por exemplo, o ponto Curie do ferro é de 770°C, enquanto do Níquel é 354°C. O aquecimento das moléculas faz com que elas se movam, desalinhando-as.

Exercer uma força de impacto em uma das extremidades do ímã é uma possibilidade de causar desordem e desmagnetizá-lo, visto que as vibrações impactam nas moléculas, assim como esfregar dois ímãs um do no outro e usar corrente alternada podem também funcionar.

Existem desmagnetizadores no mercado, inclusive feitos sob medida, muito usados na indústria para reduzir a remanência (atração) residual de peças ou ferramentas metálicas, que sofreram influência de um campo magnético, atrapalhando o processo de fabricação.

Tesla Ímãs
A Tesla Ímãs é uma das principais distribuidoras desse produto no Brasil. Ao comprar ímãs de neodímio com a empresa, você terá a certeza de adquirir um produto de qualidade, com um preço bastante competitivo e com prazos de entrega confiáveis
× Enviar WhatsApp